Blog do Bryan Rafael - Notícias de Zé Doca e Região

Bastidores da politica: Vice-presidente do MDB Eduardo Santos diz que candidatura de Socorro a prefeita “é o caminho natural”

Em conversa com este jornalista titular do blogdoribinha, o vice-presidente do MDB de Timon, Eduardo Santos disse que o partido terá sim candidato a prefeito na cidade em 2020 e que “o caminho natural” é o de que a ex-prefeita e atual vereadora Professora Socorro seja o nome apresentado pelo partido na disputa.

 

O vice-presidente disse que o partido sabe de sua responsabilidade com a política e com a administração de Timon e no momento certo apresentará e anunciará sua posição quanto à candidatura a cargo majoritário em Timon.

 

“Nesse momento Socorro tem contribuído com Timon num exercício do mandato legislativo e como primeira suplente de deputado estadual tem angariado forças para se apresentar politicamente para a disputa, mas temos prazos eleitorais que determinam os trâmites de uma candidatura”, disse. Eduardo acrescentou que teve acesso à pesquisa encomendada pelo PSD que aponta uma excelente avaliação quantitativa e qualitativa de Socorro Waquim, portanto, seu nome deve é será confirmado, adiantou.

 

Eduardo Santos disse que o nome de Socorro Waquim é de longe o que tem mais serviços prestados no partido e uma liderança política incontestável, “por isso reúne todas as condições de ser nossa candidata”. Socorro iniciou sua carreira política dentro do PMDB exercendo o cargo de Secretária de Educação de Timon, depois deixou o cargo para ser responsável pela Gerencia Regional e coordenando as ações da educação em nível estadual.

 

Por conta deste trabalho foi eleita deputada estadual e exerceu menos de dois anos de mandato, pois foi eleita, em 2004, prefeita de Timon e renunciou ao cargo na Assembleia Legislativa para tomar posse como prefeita da cidade, em 2005, disse Eduardo Santos.

 

Reeleita em 2008, a Professora exerceu o cargo por dois mandatos até 2012 deixando um legado de realizações e obras impossíveis de serem extrapoladas em todos os setores da Educação, Saúde, Infraestrutura, Habitação como marca de sua gestão, mas foi no setor de investimento em Timon que Socorro atingiu seu maior ápice de sua gestão. A cidade de Timon foi apontada por veículos de comunicação nacionais como Folha de São Paulo e Revista Exame entre as 100 cidades brasileiras que poderiam chegar à condição de metrópole, mas infelizmente, a cidade de Timon parou no tempo após a gestão da líder do MDB, enfatizou Eduardo Santos.

 

Via vejatimon.com

Categoria: Uncategorized

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*